Em caso de Incêndio ligue:

Nº Nacional de Emergência 112
Linha de Protecção à Floresta 117
CDOS Santarém 249 594 240
Bombeiros Coruche 243 610 260
Coordenador POP APFC * 934 306 133
Rádio APFC Central APFC

*Julho a Setembro

home | áreas de trabalho | dfci - defesa da floresta contra incêndios

DFCI - Defesa da Floresta Contra Incêndios

Concelho Idade Quantidade @ Amostra Certificação Vendida Preço de Venda €/@
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             
             

Equipa de Sapadores Florestais

A A APFC, dispõe desde Junho de 1999 de uma equipa de Sapadores Florestais, constituída por 5 elementos com formação específica, e tem como funções principais a vigilância, a prevenção de incêndios florestais, nomeadamente através de acções de silvicultura preventiva, e a 1ª intervenção em fogos florestais.
 
A formação da equipa de sapadores florestais é assegurada por um programa do ICNF – Instituto da Conservação da Natureza e Florestas, com a participação de outras entidades com competências em matéria de prevenção, detecção e combate aos incêndios florestais. Esta equipa dispõe de equipamento colectivo e individual, para apoio a todos os trabalhos a executar.
 
Serviços de silvicultura preventiva prestados aos Associados:

  • Roça de Matos
  • Limpeza de Povoamentos (desbastes e desramações)
  • Realização de Fogo Controlado
  • Manutenção e Beneficiação da Rede Divisional.

Fogo Controlado

A APFC dispõe de uma técnica e da equipa de Sapadores Florestais credenciados para a realização de acções de fogo controlado. Para requisitar este serviço contacte a APFC.

Plano Operacional de Prevenção

A APFC implementa anualmente desde 2004, um Plano Operacional de Prevenção (POP) de fogos florestais, que funciona 7 dias por semana durante o período crítico. O POP abrange todo o concelho de Coruche e partes significativas dos concelhos limítrofes, estando a área dividida em 7 zonas, cada uma delas com uma equipa de 1ª intervenção no terreno. As equipas de intervenção da APFC, com 2 a 3 elementos, dispõem de uma viatura todo-o-terreno com kit de 1ª Intervenção e equipamento de comunicação. As viaturas encontram-se posicionadas em Locais Estratégicos de Estacionamento (LEE), com boa visibilidade e acesso, que possibilitam uma rápida intervenção no local da ocorrência. Este sistema é financeiramente suportado pelos Associados da APFC incluídos na área abrangida pelo POP.

 

 

 

Visualizar Mapa


 

 

 

  

 

 

Obrigações Gerais dos Produtores Florestais

Operação

Dentro do período crítico
(definido anualmente em Portaria)

Fora do período crítico

Trabalho com tractores
e outras máquinas
de combustão.
Permitido desde que as
máquinas estejam equipadas com:
- Dispositivos de retenção de faíscas
ou faúlhas e dispositivos tapa-chamas
nos tubos de escape ou chaminés;
- Extintor. 
Permitido sem restrições.

Realização de
queimadas (renovação
de pastagens
e eliminação de
restolho).

ProibidoPermitido, desde que o
risco de incêndio seja inferior
ao nível elevado (3).
Carece de licenciamento da
Câmara Municipal ou Junta de
Freguesia, e da orientação de um
técnico credenciado.
Empilhamento de
produtos resultantes de
corte ou extracção. 
Permitido desde que seja salvaguardada
uma área sem vegetação com
10 m em redor.
Permitido sem restrições.
Queimar matos
cortados e amontoados
ou qualquer tipo de
sobrantes de
exploração. 
ProibidoPermitido, desde que
o risco de incêndio seja inferior
ao nível muito elevado (4). 
Realizar fogueiras para
recreio ou lazer e para
confecção de alimentos.
Fumar ou fazer lume.
ProibidoPermitido, desde que
o risco de incêndio seja inferior
ao nível muito elevado (4).
Documentação

Inquérito realizado aos produtores florestais do POP.

Para ver o inquérito, por favor clique aqui.

Imagens

POP – Zonas de Intervenção